Passos

Foto: Paula Martins

O meu primeiro grande passo
Foi quando sai do casulo
Que me protegia
Foi quando me libertei
Da prisão que me arrefecia
E me permite sentir e viver
A imensidão das minhas vontades
A loucura do meu corpo
A leveza dos meus gestos
sem o peso nos meus ombros
a franqueza do meu orgulho
as maneiras da minha vaidade
o ímpeto dos meus desejos
a delicadeza dos meus sentidos
a ingenuidade dos meus amores
a vastidão da incompreensão
que cabia dentro
de um coração
sedento pela vida.



Postagens mais visitadas

Rabo