Pra não dizer que não falei dos espinhos

Foto: Paula Martins (Templo budista Zu lai- Cotia- SP)


Pra não dizer que não falei dos espinhos
Digo-lhes que toda flor tem o seu
Mas nem por isso
Deixa de ser bela
E encantadora
Toda flor é bela
Mesmo aquela que não tem cor
Mesmo aquela que não deu flor
Toda flor tem sua beleza
Mesmo na sua feiúra
Toda flor
Mesmo a que nasce no lodo
Encanta o mais frio olhar
E todo lugar tem flor
Mesmo no mais seco sertão
Alguma flor há de nascer
Para dar cor a aridez
Os espinhos existem
mas valem a pena enfrenta-los
pela mais bela paisagem.

Postagens mais visitadas

Rabo