Terra Brazilis

Imagem: Dança dos Índios Tapuias: óleo sobre tela de Albert Eckout, 1641



Os meus antepassados
D´alem mar
Chegaram nesta terra
De Paus Brasis
E aqui fincaram
Sua Santa Cruz
Sobre nossas índias nuas
Com gritos e orações
Incabíveis aos povos
De riquíssima cultura
Impuseram sua fé
Fizeram bugres ajoelharem
Sob os pés de seu Deus
Omnipotente e onipresente
Suas cruzes ensangüentadas
De culpas e pecados
Fizera-lhes a companhia
De um Cristo sacrificado
E crucificaram os
Deuses das chuvas
E a grande Deusa soberana
A Natureza Mãe
Plantaram em suas terras
A guerra pelo poder
E sua hegemonia de fé
Agora, eu, pertencente
a uma nova geração lusitana
procuro os Verdadeiros donos
Dessas terra brasilis
E no encalço dessa gente
percorro seus rios e matas
atrás dessa riqueza
Escondida entre escombros de florestas
Encontro porem Agora
miscigenada e camuflada pela fé
Em outros e tantos deuses
Acrescentada agora de muitas
Africanidades interrompidas
E tantas outros povos que
Aqui vieram somar e enriquecer
Ainda mais essa famigerada
Cultura de prazeres e paganismos
Afroamerindios.


Postagens mais visitadas

Rabo