Cirandar

Gira o corpo
gira a menina
Vira poesia no ar

ginga o tempo
e a menina
no balanço do mar.

a vida que gira
o corpo balança
e surpreende o ar.

Infinita a alma
florece e cresce
no vai-e-vem do mar.

Postagens mais visitadas

Rabo