Um ano

Um ano desatando os nós
um ano imersa nas minhas lonjuras
nas minhas ataduras
nas minhas linduras
Um ano celebrando os fins
revelando o caos de mim
amargando a dor do sim
buscando os nãos enfim
desvelando os porquês
para poder fazer novas perguntas
Me perdendo para me encontrar
me reencontrando
reinventando
des-viciando o olhar
tornando possibilidades visíveis
esquecendo amores risíveis
Me desconhecendo para me conhecer
Me perdendo para me encontrar
Desvencilhando de um eu que não sou
para libertar quem não fui.

Postagens mais visitadas

Rabo